Ansiedade – 8 sinais que deve estar atenta/o

O que é a ansiedade?

Todos nós somos ansiosos em determinado momento da vida sem que isso seja, obrigatoriamente, patológico. Quando falámos em ansiedade, é importante diferenciar entre ansiedade normativa e ansiedade patológica. Sentir medo, preocupação ou eventualmente pânico em situações de elevado stress é ajustado e adequado.

A ansiedade caracteriza-se pela vivência de tensão, preocupação e medo face a uma situação/acontecimento. A ansiedade quando sentida de uma forma excessiva e continuada, denomina-se como uma doença psicológica. Enquanto perturbação psicológica torna-se extremamente incapacitante e limitadora.

Quais os sintomas da ansiedade?

  • Alterações no sono
  • Irritabilidade
  • Tensão muscular
  • Suores frios
  • Batimento cardíaco acelerado
  • Dificuldades respiratórias
  • Pressão/dor no peito
  • Insónias/Hipersónias
  • Tremores
  • Dores corporais

Estes sintomas não são estanques. Poderá sentir estes ou outros sintomas similares. Na dúvida procure realizar uma avaliação psicológica.

Sinais aos quais deve estar atenta/o
Preocupação excessiva sobre o que os outros pensam de si.
Evitar locais/situações de forma a prevenir reações de medo/preocupação.
Frequentemente sofrer por antecipação.
Pensamentos negativos e repetitivos.
Aceleração física e/ou mental de forma frequente, mesmo em situações calmas.
Insónias ou hipersónias frequentes.
Medos/preocupações que limitam o seu dia a dia.
Reações físicas de dor/pressão frequentes.

Se identifica algum destes sinais, procura acompanhamento/avaliação de um psicólogo/a.

Invista na prevenção

Não existe forma de prever quando/como poderemos desenvolver uma perturbação de ansiedade, contudo existem formas de prevenir o desenvolvimento dos sintomas de ansiedade e o impacto na sua vida.

  • PROCURA AJUDA. O acompanhamento psicológico é fundamental para a prevenção e redução dos sintomas.
  • ATIVIDADE. Participa em atividades prazerosas e que a/o fazem sentir bem consigo mesmo e desfrutar das relações sociais/amorosas/familiares.
  • EVITA O USO DE ÁLCOOL/DROGAS. O uso/abuso de substâncias pode causar/piorar o desenvolvimento da ansiedade.

Cuide de si com amor

Catarina Meireles.

Deixar um comentário:

O seu email não será publicado.

Site Footer